sexta-feira, 13 de maio de 2016

TAMANHO DO PÉNIS




Unnamed.jpeg



Segundo tudo aquilo que me chega por mail diariamente: notícias, mexericos, comentários e estudos, só não sou feliz porque não quero, pois tenho a possibilidade de aumentar o tamanho do pénis até quinze vezes em quinze dias, reclamar o prémio de cinco milhões de dólares da lotaria da Nigéria, de que fui o único e feliz contemplado, bastando, para isso, enviar a minha identificação e IBAN para receber a bela maquia, fiquei também a saber que no Burkina Faso vive uma menina ardente, doutorada, alta, loura, sem namorado ou pretendente, muito carente e com muita vontade de me conhecer. De caminho posso ficar por dentro dos segredos mais sórdidos do Vaticano, ter acesso único e exclusivo às provas irrefutáveis de vida em Marte, que a NASA fez todos os possíveis por esconder do mundo ao longo destes anos, receber o meu quinhão de uma herança de um antigo monarca da Mongólia ou fazer uma corrente que me livrará de todo o mal e inveja por trinta e duas gerações. 
A vida, assim, parece fácil e o mundo não é nada esquisito, não senhor.