quinta-feira, 5 de maio de 2016

DIALÉCTICA




Franck Illustration Agency




Um pouco de caos na cabeça. Ser livre é desgastante, mas não consigo dormir em viagens mesmo que interiores. Alice está no outro lado do espelho, desenho uma flecha no tampo da escrivaninha no quarto de hotel barato de beira de estrada. 

Perco-me na dialéctica, espécie de líquido invisível que enverniza a matéria, matemática do universo oculto de esperanças ingénuas.
Deito-me e fico quieto, até ser outra pessoa.